Política

‘Não foi nenhuma ação política’, diz Otto Alencar ao votar contra Reforma da Previdência

Caso seja aprovada nesta terça, a proposta irá para a promulgação do próprio Congresso

[‘Não foi nenhuma ação política’, diz Otto Alencar ao votar contra Reforma da Previdência]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Adelia Felix no dia 22 de Outubro de 2019 ⋅ 19:12

Senador pelo PSD baiano, Otto Alencar afirmou à Rádio Metrópole, nesta terça-feira (22), que votou contra o texto base da reforma da Previdência. O texto, apresentado em fevereiro pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) pretende alterar as regras de aposentadorias e outros benefícios previdenciários a fim de buscar um equilíbrio nas contas públicas. 

“Eu tentei modificar o regime geral da previdência. […] Do que foi mandado pelo presidente Bolsonaro foram mudanças substanciais, mas não me convenceu para que eu pudesse votar com minha consciência tranquila. Não foi nenhuma ação política, até porque não tomaria uma decisão dessa natureza apenas olhando o lado político do meu voto”, disse durante o Jornal da Cidade – II Edição.

A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) passou por comissões no Congresso e por dois turnos na Câmara e um no Senado. Caso seja aprovada nesta terça, a proposta irá para a promulgação do próprio Congresso para entrar em vigor.

O senador baiano ainda comentou sobre a crise no PSL e sobre o julgamento das ADCs (ações declaratórias de constitucionalidade) que podem soltar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Assista:

Notícias relacionadas