Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Política

Bolsonaro diz que só irá a uma posse no Uruguai se Lacalle Pou vencer eleição

Candidato presidencial de centro-direita e de oposição tem 48,71% da apuração de votos

[Bolsonaro diz que só irá a uma posse no Uruguai se Lacalle Pou vencer eleição]
Foto : Marcos Corrêa/PR

Por Matheus Simoni no dia 25 de Novembro de 2019 ⋅ 12:00

O presidente Jair Bolsonaro confirmou hoje (25) que irá comparecer a uma eventual posse do candidato presidencial de centro-direita e de oposição no Uruguai, Luis Lacalle Pou. O uruguaio tem 48,71% da apuração de votos, mas a Corte Eleitoral do país está realizando uma recontagem dos chamados "votos observados" antes de anunciar o resultado oficial. Atual candidato governista, Daniel Martínez conta com 47,51%. "Eu acho que dificilmente reverte. Se porventura tivesse declarado ontem [Pou] como vitorioso, já estava acertado um telefonema nosso, bem como a confirmação de nossa ida à posse", afirmou o presidente brasileiro, em conversa com jornalistas. 

Bolsonaro salientou que, apesar de ter preferência pelo candidato de centro-direita, não deixará de dialogar com Martínez caso ele seja confirmado vencedor. No entanto, ele pontuou que não compareceria à cerimônia posse. "Só se estiver morto. Se não estiver morto, irei à posse desse candidato [Pou]. [Só] Desse candidato. O outro eu converso com ele. Ele não se manifestou como o da Argentina se manifestou", disse.

Ele fez referência às declarações de Alberto Fernández, presidente eleito argentino que defendeu a saída da prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). 

Notícias relacionadas