Política

‘Tenho que me aproveitar desse período de desconhecimento’, diz Lídice após chamar Bruno de ‘fraco’

Para a deputada, as pesquisas demonstrariam que Bruno ainda não tem "conhecimento público"

[‘Tenho que me aproveitar desse período de desconhecimento’, diz Lídice após chamar Bruno de ‘fraco’]
Foto : Matheus Simoni/Metropress

Por Juliana Almirante no dia 17 de Fevereiro de 2020 ⋅ 09:18

A deputada federal Lídice da Mata (PSB-BA) negou, em entrevista à Rádio Metrópole na manhã de hoje (17), ter feIto um ataque pessoal ao vice-prefeito de Salvador, Bruno Reis (DEM), ao se referir a ele, em declaração à imprensa, como “fraco”.

“Essa polêmica precisa ser esclarecida no seguinte sentido. O entrevistador perguntava, insistentemente, porque Neto antecipava sua indicação. Eu disse que só ele pode responder e que meu palite era de que ele antecipa porque quem é governo precisa antecipar seu candidato. Mas porquê? Porque ele é mais fraco do ponto de vista eleitoral e precisa ter tempo para que o prefeito agregue a ele o seu prestígio eleitoral. Nesse sentido. Não costumo fazer ataques pessoais a ninguém”, afirmou.

Para a deputada, as pesquisas demonstrariam que Bruno ainda não tem "conhecimento público", como qualquer candidato que substituiria um governo de oito anos. Apesar da declaração de Lídice, o pré-candidato do DEM liderava a pesquisa divulgada no final do ano passado sobre a disputa eleitoral em Salvador.

“Não tenho nenhum problema com isso. Comecei minha campanha para prefeita com 2% e ganhei. Agora é claro que, como sou oposição, tenho que me aproveitar desse período de desconhecimento e da fragilidade do candidato do governo. Isso faz parte do debate politico. O que não faz parte do debate politico são acusações falsas, fake news”, defendeu.

Notícias relacionadas