Política

Prefeito de Salvador diz que decreto de Bolsonaro ‘não vale de nada’

Para Neto, “não há hipótese de autorizar o retorno das atividades de academia e salão de beleza” hoje em Salvador

[Prefeito de Salvador diz que decreto de Bolsonaro ‘não vale de nada’]
Foto : Valter Pontes/Secom/PMS

Por João Brandão no dia 12 de Maio de 2020 ⋅ 11:03

O prefeito de Salvador, ACM Neto, disse hoje (12) que o novo decreto do presidente Jair Bolsonaro, para incluir academias e salão de beleza como atividades essenciais, “não vale de nada”.

“Com todo o respeito a instituição presidência da República, para mim esse decreto não vale nada. Nós não vamos acatar o decreto do presidente. O STF já decidiu que prefeitos e governadores têm autonomia para baixar decretos normatizem e restrinjam por causa da pandemia. É mais uma decisão do presidente que não conta com nossa concordância”, afirmou, durante a entrega do Hospital de Campanha do Wet'n Wild, localizado na Avenida Paralela, em Salvador. 

Para Neto, “não há hipótese de autorizar o retorno das atividades de academia e salão de beleza” hoje em Salvador. Nove estados e o Distrito Federal já anunciaram que não vão aderir à determinação de Bolsonaro. 

Notícias relacionadas