Política

Filha de ministro da Casa Civil desiste de ocupar cargo na ANS

Isabella Braga Netto era cotada para a Gerência de Análise Setorial, após aprovação de órgão do próprio pai

[Filha de ministro da Casa Civil desiste de ocupar cargo na ANS]
Foto : Beto Barata/PR

Por Lara Curcino no dia 23 de Julho de 2020 ⋅ 07:20

A filha do ministro da Casa Civil, Braga Netto, Isabella Oassé de Moraes Ancora Braga Netto, desistiu de ocupar uma vaga na Agência Nacional de Saúde Suplementar. Seu nome já tinha sido aprovado pelo órgão comandado por seu pai, mas uma análise interna da própria ANS estava pendente.

Isabella iria assumir a Gerência de Análise Setorial e Contratualização com Prestadores. Sua desistência foi comunicada ontem (22) ao Diretor de Desenvolvimento Setorial, Rodrigo Rodrigues de Aguiar, que seria seu superior na agência.

De acordo com o jornal O Globo, ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) ouvidos em caráter reservado avaliaram que, caso a nomeação fosse concretizada, seria considerada nepotismo. Em nota, Rodrigues de Aguiar informou que o processo seletivo "foi conduzido no âmbito da ANS, sem sofrer ingerências externas”. 

Notícias relacionadas