Política

Bolsonaro ataca Doria e fala em reeditar decreto do SUS

"Ninguém vai tomar tua vacina na marra, não, tá ok?", debochou presidente, citando obrigatoriedade da imunização contra Covid-19 em SP

[Bolsonaro ataca Doria e fala em reeditar decreto do SUS]
Foto : Marcos Corrêa/PR

Por Metro1 no dia 30 de Outubro de 2020 ⋅ 13:00

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) fez ontem (29), durante transmissão ao vivo nas redes sociais, novos ataques ao governador de São Paulo, João Doria (PSDB). Ele criticou a obrigatoriedade da vacina contra Covid-19 e disse que não vai patrocinar o imunizante produzido pela chinesa Sinovac.

"Então, querido governador de São Paulo, você sabe que sou apaixonado por você, sabe disso. Poxa, fica difícil, né? E outra coisa: ninguém vai tomar tua vacina na marra, não, tá ok? Procura outra. E eu, que sou governo, não vou comprar sua vacina também não. Procura outro pra pagar sua vacina", debochou.

No último dia 16, Doria disse que a vacinação contra o novo coronavírus em São Paulo será obrigatória, exceto para pessoas que apresentem alguma restrição, mediante atestado médico. O governador de São Paulo é considerado pelo Palácio do Planalto um potencial adversário nas eleições de 2022.

O presidente ainda afirmou que deve reeditar na semana que vem o decreto revogado na quarta-feira (28) que colocava as Unidades Básicas de Saúde dentro do escopo de interesse do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI). O governo recuou após intensa oposição de parlamentares e entidades ligadas à área de saúde.

Notícias relacionadas