Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Sexta-feira, 12 de julho de 2024

Home

/

Notícias

/

Rádio Metropole

/

Wagner não crê que Rui disputará prefeitura de Salvador em 2024 e cobra celeridade para definir candidato

Rádio Metropole

Wagner não crê que Rui disputará prefeitura de Salvador em 2024 e cobra celeridade para definir candidato

Wagner avaliou ainda que, mesmo com a decisão antecipada, não deve ser uma campanha fácil, já que Bruno Reis deve tentar a reeleição

Wagner não crê que Rui disputará prefeitura de Salvador em 2024 e cobra celeridade para definir candidato

Foto: Metropress/Filipe Luiz

Por: Metro1 no dia 10 de julho de 2023 às 10:18

Atualizado: no dia 10 de julho de 2023 às 12:17

Faltando mais de um ano para as eleições municipais, o senador Jaques Wagner (PT) cobrou de seu grupo político celeridade nas discussões sobre o candidato à prefeitura de Salvador. Em entrevista à Rádio Metropole nesta segunda-feira (10), o petista defendeu ainda que a base governista saia com apenas um nome, que não deve ser, segundo acredita Wagner, o ex-governador e agora ministro da Casa Civil, Rui Costa (PT). 

"A gente tem que ver um nome e tem que ver rápido. Acho que a gente deveria sair com um nome unificado, com todas forças. Está na hora de sentar. Quem tem que puxar essa fila é Jerônimo [Rodrigues], que é governador", disse.

O senador foi enfático. Para ele, o nome deve ser definido logo, para que haja tempo de trabalhá-lo. Wagner chegou a afirmar que, caso o candidato seja escolhido faltando apenas alguns meses para a eleição, é melhor não lançá-lo. 

"Na minha opinião, tem que escolher um nome e trabalhar o nome. Vai ganhar ou não vai ganhar, eu não sei. Vamos trabalhar. Senão, fica para lançar em abril do ano que vem. É melhor não lançar, em cima da hora, sem trabalhar a pessoa. Acho que tem que sentar e definir", afirmou.

Wagner avaliou ainda que, mesmo com a decisão antecipada, não deve ser uma campanha fácil, já que o prefeito Bruno Reis (União) deve tentar a reeleição. “Quem está sentado na cadeira leva vantagem. Porque está sentado na máquina. Se tiver feito um bom trabalho, tem um reconhecimento", analisou.

Sobre as especulações de quem seria esse nome, Wagner acredita que não deve ser Rui Costa. De acordo com ele, o ministro da Casa Civil está focado em seu trabalho em Brasília. "Não acredito. Rui ser candidato a prefeito, eu não acredito. Sinceramente, eu não acredito. Não tenho nada contra. Mas a cabeça dele não está aí. Está lá em Brasília. Então, acho muito difícil", opinou.

Confira a entrevista na íntegra: