Segunda-feira, 29 de novembro de 2021

Saúde

Opas adia entrega final de 40 milhões de seringas ao Ministério da Saúde para julho

Envios começam a ser feitos neste mês, mas terminarão apenas em julho em vez da previsão inicial, em março

Opas adia entrega final de 40 milhões de seringas ao Ministério da Saúde para julho

Foto: Pixabay

Por: Adele Robichez no dia 08 de janeiro de 2021 às 14:30

A Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), da Organização Mundial de Saúde (Organização Mundial de Saúde), adiou o prazo de entrega das 40 milhões de seringas e agulhas prometidas ao Ministério da Saúde. Os envios começam a ser feitos neste mês, mas terminarão apenas em julho em vez da previsão inicial, em março.

A iniciativa tardia de compra dos materiais para a vacinação contra o coronavírus pelo governo falhou e, das 331 milhões de unidades desejadas, apenas 79 milhões foram disponibilizadas para aquisição. 

Após a tentativa frustrada, a pasta solicitou ajuda à Opas para conseguir 150 milhões de materiais, além dos 40 milhões já previstos inicialmente. A organização ainda não respondeu o pedido.

“As datas sofrem alterações em tempos normais, devido a diversos fatores como transporte e capacidade de armazenamento. Durante uma pandemia, esses fatores se tornam um desafio ainda maior”, explicou a integrante da OMS.

Opas adia entrega final de 40 milhões de seringas ao Ministério da Saúde para julho - Metro 1