Quarta-feira, 27 de outubro de 2021

Saúde

Dossiê aponta que Prevent Senior omitiu 7 mortes em estudo sobre cloroquina

Documento traz relatos de médicos e foi entregue à CPI da Covid; empresa nega irregularidades

Dossiê aponta que Prevent Senior omitiu 7 mortes em estudo sobre cloroquina

Foto: Divulgação/Prevent Senior

Por: Metro1 no dia 17 de setembro de 2021 às 13:48

A Prevent Senior usou pacientes como cobaias em uma pesquisa com remédios do chamado "kit Covid", afirma um dossiê de posse da CPI da Covid, informa reportagem do jornal Folha de S. Paulo. Segundo o documento, a empresa omitiu sete mortes de pessoas tratadas com hidroxicloroquina —medicamento sem eficácia contra o coronavírus propagandeado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

De acordo com a Folha, o material é assinado por 15 médicos da operadora de planos de saúde. De acordo com os profissionais, hidroxicloroquina foi administrada sem avisar pacientes ou parentes. O estudo foi realizado em São Paulo.

Em nota, a Prevent Senior negou as acusações e afirmou repudiar as denúncias. A empresa afirmou ainda que tomará medidas judiciais cabíveis contra os responsáveis pelo dossiê.

O dossiê, cujo conteúdo há havia sido divulgado pela GloboNews, aponta que medicamentos sem comprovação científica foram incorporados ao experimento, à medida que resultados não eram atingidos. Teria sido usado contra Covid até remédio para câncer.

A Prevent Senior está na mira dos senadores. Nesta quinta, o diretor-executivo Pedro Benedito Batista Júnior era esperado na comissão para depor, faltou e disse que foi avisado tardiamente do compromisso. Os integrantes da CPI da Covid consideraram a ação protelatória. Por isso, os senadores insistem no depoimento, que foi remarcado para quarta-feira (22).

Dossiê aponta que Prevent Senior omitiu 7 mortes em estudo sobre cloroquina - Metro 1