Saúde

Referência para Covid-19, Hospital Couto Maia só tem mais 2 leitos de UTI disponíveis

Ainda de acordo com a infectologista Ceuci Nunes, o tempo de permanência na enfermaria é de sete dias

[Referência para Covid-19, Hospital Couto Maia só tem mais 2 leitos de UTI disponíveis]
Foto : Reprodução / Youtube

Por Alexandre Galvão no dia 11 de Junho de 2020 ⋅ 08:58

Hospital dedicado no tratamento do coronavírus na Bahia, o Couto Maia tem apenas dois leitos de UTI disponíveis no momento, segundo a médica responsável pela unidade, Dr. Ceuci Nunes. 

Em entrevista à Metrópole, ela relatou que a enfermaria também está próxima do limite, com apenas 11 vagas disponíveis. Além do Couto Maia, Salvador tem outras unidades dedicadas ao tratamento da doença, como o Hospital Ernesto Simões e o Hospital Espanhol. 

“Temos vagas na UTI pediátrica. Isso confirma o que a literatura diz, de que a Covid não dá quadro clínico grave em crianças”, afirmou Ceuci. 

Ainda de acordo com a infectologista, o tempo de permanência na enfermaria é de sete dias. Já na UTI, os pacientes têm ficado cerca de 10 dias. Ceuci Nunes alerta para a taxa de mortalidade e as comorbidades associadas. “Na UTI, a taxa de letalidade é de 39%. Taxa alta. Temos quadros extremamente graves. Do pessoal que está na enfermaria, 7% vai a óbito. A faixa etária, a maioria dos pacientes está acima de 60 anos. Abaixo de 60 anos, temos paciente com comorbidades, diabetes, hipertensão descontrolada e obesidade. Isso está chamando muito a nossa atenção. Todo dia os médicos da UTI comentam, principalmente os grandes obesos”.

Notícias relacionadas