Saúde

Conselho Nacional de Saúde discute enfrentamento à pandemia

Alerta para risco do uso de medicação sem orientação médica, e saúde e direitos das mulheres estão entre providências elencadas

[Conselho Nacional de Saúde discute enfrentamento à pandemia]
Foto : Leopoldo Silva/Agência Senado

Por Danielle Campos no dia 11 de Julho de 2020 ⋅ 14:00

O Conselho Nacional de Saúde (CNS) debateu nesta sexta-feira (10) ações para o enfrentamento da pandemia da Covid-19 no Brasil. Dirigentes do Ministério da Saúde apresentaram a abordagem da pasta para o combate à doença.

Foi criado um comitê para acompanhamento das medidas adotadas, levando em conta o cenário pandêmico. O colegiado reforçou e recomendou a campanha para que as pessoas ficassem em casa, e a Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (Conep), ligada ao conselho, emitiu aprovação ética de 537 protocolos de pesquisa científica relacionadas ao coronavírus. O Conep lançou campanha de proteção dos trabalhadores envolvidos no combate ao coronavírus.

O alerta para o risco do uso de medicação sem orientação médica, está entre as providências elencadas. Além disso, os dirigentes do conselho também pretendem abordar o enfrentamento das consequências do novo coronavírus na saúde mental, cuidados para o teste rápido, precauções com as informações falsas difundidas em relação à pandemia e saúde e direitos das mulheres.

O conselho se uniu a várias organizações e lançou a campanha Frente pela Vida, movimento com base em evidências científicas que lançou um plano nacional de enfrentamento à pandemia.

Notícias relacionadas