Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Turismo

Rio de Janeiro: Turistas têm 72 horas para sair de Búzios

Cidade volta para bandeira vermelha para coronavírus, indicativo de risco alto de colapso da rede de saúde; lockdown é decretado

[Rio de Janeiro: Turistas têm 72 horas para sair de Búzios]
Foto : Reprodução/Istock

Por Adele Robichez no dia 17 de Dezembro de 2020 ⋅ 10:00

A Justiça do Rio de Janeiro determinou hoje (16) que os turistas hospedados em Búzios têm 72 horas para deixar a cidade. A Região dos Lagos do Rio, no município, voltou para a bandeira vermelha de combate à pandemia do coronavírus, situação de alto risco. A sinalização indica uma grande probabilidade de colapso da rede de saúde caso não seja feito um rígido isolamento social.

A determinação da 2ª Vara de Búzios, feita após um pedido da Defensoria Pública, entra em vigor a partir de hoje (17) e proíbe que os hotéis e espaços que alugam por temporada recebam novos hóspedes.

Além do setor turístico, todas as medidas de flexibilização adotadas pela prefeitura da cidade do Rio deverão ser canceladas. A Justiça decidiu que o decreto municipal de março, que prevê um isolamento rígido, deve voltar a valer até o fim de dezembro ou até que Búzios cumpra as exigências sanitárias e administrativas estabelecidas no Termo de Ajustamento de Conduta (TAC).

O termo foi firmado pelo município com a Defensoria Pública em junho, mas ainda não foi cumprido. Será atribuída uma multa diária de R$ 100 mil em caso de violação das medidas decretadas. 

Notícias relacionadas