Turismo

Forró pé de serra marca a noite de Caraíva: já comece a ensaiar os passos

Forró pé de serra marca a noite de Caraíva: já comece a ensaiar os passos

[Forró pé de serra marca a noite de Caraíva: já comece a ensaiar os passos]
Foto : Emanuela Paranhos

Por NaBahia no dia 20 de Dezembro de 2018 ⋅ 08:15

O ritmo que embala Caraíva o ano todo é o forró pé de serra. Por lá, não é preciso esperar junho chegar pra aproveitar aquele arrasta-pé danado. Faça chuva ou faça sol, nativos e turistas se reúnem para dançar até o raiar do dia. 

Forró do Pelé: compre seu ingresso antecipado e economize
(Foto: Emanuela Paranhos)

 

A dica é da viajante Emanuela Paranhos, que não perde uma boa balada em roteiros mundo afora. Em Caraíva, dá para aproveitar o dia, voltar pra pousada, descansar ou triar um cochilo e então sair pra aproveitar a noite. O esquenta é no Beco da Lua, onde o pessoal se encontra para beber e comer algo até o forró efetivamente começar, à 1h da manhã.

Duas casas são conhecidas pelo forró pé de serra: o Forró do Ouriço e o Forró do Pelé. Elas se revezam na programação, ou seja, quando uma abre, a outra está fechada. Assim todo mundo se encontra mesmo e dá para tirar para dançar aquele paquera que você viu pelas bandas do rio. Na alta temporada, tem forró todos os dias. Quando a coisa ainda não esquentou totalmente, o Forró do Ouriço abre quarta, sexta e domingo e o do Pelé quinta e sábado. Bandas das redondezas animam as noites até o dia raiar. 

Grupos locais se apresentam no Forró do Ouriço
(Foto: Reprodução) 

 

O pulo do gato é comprar a sua entrada mais cedo. Assim, além de garantir a presença na badalação, também pega aquele desconto maroto que principalmente em Caraíva é bem-vindo. No Pelé, quem compra até às 19h30, paga R$ 20. Depois o peço sobe para R$ 30 (até 0h30) e R$ 40 (após 0h30). 

Se ligue!
Forró do Ouriço: quarta, sexta e domingo
Forró do Pelé: quinta e sábado

Notícias relacionadas