Vida Alheia

Eduardo Costa ataca Fernanda Lima após discurso no 'Amor & Sexo': 'Essa imbecil'

O cantor, declaradamente eleitor de Bolsonaro, vestiu a carapuça (e emprestou ao presidente eleito) da fala anti-machismo e anti-opressão da apresentadora

[Eduardo Costa ataca Fernanda Lima após discurso no 'Amor & Sexo': 'Essa imbecil']
Foto : Divulgação

Por Metro1 no dia 09 de Novembro de 2018 ⋅ 09:50

Eduardo Costa não gostou das declarações da apresentadora Fernanda Lima, sobre machismo e outras formas de opressão, no final do programa “Amor & Sexo” exibido nesta terça-feira (6). Em texto previamente decorado, ela afirmou que as mulheres (e homens) devem se unir para acabar com as engrenagens da tirania. 

“Chamam de louca a mulher que desafia as regras e não se conforma. Chamam de louca a mulher cheia de erotismo, de vida e de tesão. Chamam de louca a mulher que resiste e não desiste. Chamam de louca a mulher que diz sim e diz não. Não importa o que façamos, nos chamam de louca. Se levamos a fama, vamos sim deitar na cama. Vamos sabotar as engrenagens desse sistema de opressão, vamos sabotar as engrenagens desse sistema homofóbico, racista, patriarcal, machista e misógino, vamos jogar na fogueira as camisas-de-força da submissão, da tirania e da repressão (...) bora sabotar tudo isso?", disse Fernanda.

O cantor interpretou a declaração da global uma afronta ao presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), em quem ele votou e a quem apoiou publicamente. “Mais de 60 milhões de brasileiros e brasileiras votaram no Bolsonaro e agora essa imbecil com esse discurso de esquerdista! Ela pode ter certeza de uma coisa, a mamata vai acabar, a corda sempre arrebenta pro lado mais fraco e o lado mais fraco hoje é o que ela está. Será que essa senhora só faz programa pra maconheiro, pra bandido, pra esquerdista derrotado, e pra esses projetos de artista assim como ela?”, escreveu ele no Instagram.

Eduardo continuou: “Bolsonaro não está sozinho, o povo está com ele e a senhora pode ter certeza, o Brasil vai sabotar a senhora, se Deus quiser. Sérgio Moro vai começar a ajuda a sabotar, pode esperar. E tenho dito”.

Após receber uma exurrada de comentários, de apoio e reprimenda, Fernanda Lima trancou seu perfil no Instagram para essa modalidade de interação.

Notícias relacionadas