Quarta-feira, 08 de dezembro de 2021

Bahia

Ato em refinaria do Recôncavo marcará primeiro dia de greve dos petroleiros da Bahia nesta quinta

Paralisação não tem previsão de término

Ato em refinaria do Recôncavo marcará primeiro dia de greve dos petroleiros da Bahia nesta quinta

Foto: Divulgação/Petrobrás

Por: Geovana Oliveira no dia 17 de fevereiro de 2021 às 17:25

Os petroleiros da Bahia vão entrar em greve por tempo indeterminado a partir de amanhã (18), com ato em frente à Refinaria Landulpho Alves (Rlam), localizada no município de São Francisco do Conde, no Recôncavo baiano. A manifestação será iniciada às 7h.

A diretoria do Sindipetro participou de reuniões de negociação com o RH corporativo da Petrobras, mas não houve avanço, por isso, a categoria confirma a deflagração do movimento paredista, aprovado em assembleias que aconteceram em todas as unidades do Sistema Petrobras em dezembro de 2020. 

As reivindicações são pautas antigas de luta que o Sindipetro vem tentando avançar, sem sucesso. A luta da categoria é por direitos, empregos e contra a insegurança e também contra a pressão e o assédio moral.

Já estão confirmadas as presenças do presidente nacional da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Sérgio Nobre, do presidente nacional da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Adilson Araújo e de representantes de outras centrais sindicais. 

A Refinaria Landulpho Alves foi vendida pela Petrobras ao grupo Mubadala Capital, de Abu Dhabi, pelo valor de US$ 1,65 bilhão, no dia 8 deste mês. 

Ato em refinaria do Recôncavo marcará primeiro dia de greve dos petroleiros da Bahia nesta quinta - Metro 1