Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Bahia

'O plano total deve chegar a quatro anos', diz Sesab sobre imunização contra Covid-19 na Bahia

Segundo secretaria estadual, o prazo estimado se dá "em virtude da entrega a conta-gotas" das vacinas pelo governo federal

['O plano total deve chegar a quatro anos', diz Sesab sobre imunização contra Covid-19 na Bahia]
Foto : Divulgação

Por Adele Robichez no dia 19 de Fevereiro de 2021 ⋅ 11:40

A vacinação contra o coronavírus completou um mês hoje (19). Até ontem (18), mais de 398 mil pessoas foram vacinadas e 22.298 receberam a segunda dose. Segundo a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), nesse ritmo, a imunização de toda a população baiana deve ser concluída apenas em 2025.

"O Ministério da Saúde estimava que cada fase duraria um mês e o plano operacional de vacinação na população brasileira duraria 16 meses. Porém, em virtude da entrega a conta-gotas, cada fase deve durar quatro meses e o plano total deve chegar a quatro anos", informou a Sesab.

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) também comentou sobre as dificuldades enfrentadas por conta da escassez das vacinas na capital baiana. "A gente tinha um planejamento macro para uma vacinação em massa, que não pôde ocorrer diante da pouca existência de vacinas. Tivemos que nos adaptar a uma nova forma de vacinar, fazendo uma estratégia quase que dia após dia, porque tiveram períodos em que a gente precisava esperar o dia acabar para saber o quanto tinha sobrado de vacina para fazer a estratégia do dia seguinte", afirmou.

A vacinação em Salvador, capital do estado, está suspensa desde a última terça-feira (16), um dia após a retomada da ação, após pausa no final de semana, por conta do esgotamento de vacinas e deve retomar apenas na próxima terça-feira (23), quando novas doses estão previstas para chegar.

Na cidade, mais de 90 mil trabalhadores da saúde e cerca de 20 mil idosos já foram vacinados. Apenas a segunda dose continua sendo aplicada desde a última terça-feira (16), pois as doses para a categoria foram reservadas.

Notícias relacionadas