Bahia

Rui fala em parceria público-privada com chineses e segunda etapa do VLT

Os trens que ligam os bairros do Subúrbio Ferroviário à Calçada vão ser substituídos pelo Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) e a implantação parece estar cada vez mais próxima, em Salvador. Recém chegado da China, o governador da Bahia, Rui Costa, trouxe na bagagem diversos acordos firmados com empresários asiáticos. [Leia mais...]

[Rui fala em parceria público-privada com chineses e segunda etapa do VLT]
Foto : Divulgação/ GOVBA

Por Camila Tíssia e Matheus Morais no dia 21 de Março de 2016 ⋅ 08:20

Os trens que ligam os bairros do Subúrbio Ferroviário à Calçada vão ser substituídos pelo Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) e a implantação parece estar cada vez mais próxima em Salvador. Recém-chegado da China, o governador da Bahia, Rui Costa (PT), trouxe na bagagem diversos acordos firmados com empresários asiáticos. Em entrevista à Rádio Metrópole, na manhã desta segunda-feira (21), ele falou sobre as parcerias, além de anunciar a segunda etapa do VLT para a Região Metropolitana.

"Sobre a ligação de Paripe até o Comércio, o projeto vai até a Lapa num túnel. Vamos levar a segunda etapa em uma integração com as áreas comerciais de Candeias, Camaçari e Dias d'Ávila, chegando até Alagoinhas. Isso melhora a renda, dá conforto para a população. Eu fiquei entusiasmado, porque na palavra deles [chineses], o fundamental para não é rentabilidade dos négocios, é a segurança do negócio. Segurança institucional. Na palavra deles, há uma decisão da China em investir no Brasil. Eles têm capital humano e financeiro para investir no Brasil. No exterior, eles estavam mais acostumados a fazer obras. O que nós apresentamos foram projetos em formato de PPP [Parceria Pública Privada]", afirmou.     

Segundo o governador afirmou no começo do mês, uma das maiores empresas chinesas na área de infraestrutura e logística, com mais de 13 mil quilômetros de ferrovia construídos, garantiu que vai enviar uma delegação à Bahia, visando viabilizar a implantação do VLT de Salvador. 

Leia também:
>> Empresas chinesas interessadas em energia eólica vão visitar Bahia em abril

Notícias relacionadas

[Inema aponta 15 praias impróprias para o banho; confira]
Bahia

Inema aponta 15 praias impróprias para o banho; confira

Por Kamille Martinho no dia 08 de Dezembro de 2019 ⋅ 13:00 em Bahia

O instituto ainda recomenda aos usuários das praias que ao observarem presença de óleo evitem fazer a utilização das mesmas e não toquem, nem removam os resíduos encontra...