Bahia

Bebê, avô e mais 2 são baleados em Itabuna; polícia apura briga de facções

Nesta quinta-feira (30), quatro pessoas, entre elas um bebê de um ano e dois meses e o avô da criança, de 52 anos, foram baleadas em Itabuna, cidade da região sul da Bahia. De acordo com a Polícia Civil do município, a suspeita é o atentado tenha sido motivado por uma briga de facções. [Leia mais...]

[Bebê, avô e mais 2 são baleados em Itabuna; polícia apura briga de facções]
Foto : Agência Brasil

Por Yasmin Garrido no dia 30 de Março de 2017 ⋅ 19:19

Nesta quinta-feira (30), quatro pessoas, entre elas um bebê de um ano e dois meses e o avô da criança, de 52 anos, foram baleadas em Itabuna, cidade da região sul da Bahia. De acordo com a Polícia Civil do município, a suspeita é o atentado tenha sido motivado por uma briga de facções.

Segundo testemunhas, o suspeito apareceu a pé na rua e começou a atirar contra um homem, de 34 anos, e um adolescente, de 14, que estavam perto de uma marcenaria. No entanto, um dos tiros acabou atingindo o braço do avô da criança, que, de acordo com a polícia, é vizinho dos alvos do atentado.

A polícia afirmou que os dois alvos conseguiram fugir, mas foram alcançados pelos suspeito, que efetuou os disparos. Um dos tiros atingiu também a criança, que brincava na rua ao lado dos pais. O bebê foi socorrido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhado ao Hospital Manoel Novaes. Segundo os familiares, ele passa bem.

Já avô da criança e os outros dois baleados foram levados para o Hospital De Base Luís Eduardo Magalhães. A Polícia Civil declarou que já tem informações sobre o suspeito dos ataques, mas não vai divulgar o nome para não atrapalhar o andamento das investigações.

Notícias relacionadas