Bahia

Operação Chronos: Polícia Federal apreende R$ 50 mil com secretário de cidade baiana

Foi apreendido o montante de R$ 50 mil em espécie na operação Chronos, que foi deflagrada no inicio da manhã desta terça-feira (19). O dinheiro foi localizado em uma casa lotérica, na casa do secretário de Finanças de Aracatu e de um empresário. [Leia mais...]

[Operação Chronos: Polícia Federal apreende R$ 50 mil com secretário de cidade baiana]
Foto : Agência Brasil

Por Paloma Morais no dia 19 de Setembro de 2017 ⋅ 15:00

Foi apreendido o montante de R$ 50 mil em espécie na operação Chronos, que foi deflagrada no inicio da manhã desta terça-feira (19). O dinheiro foi localizado em uma casa lotérica, na casa do secretário de Finanças de Aracatu e de um empresário. De acordo com o delegado da Polícia Federal em Vitória da Conquista, Rodrigo Colbe, além da quantia, também foi apreendida uma arma com o secretário de Administração do município, que foi preso em flagrante, porém, logo após pagar fiança foi solto.Também foram apreendidos celular, HDs e documentos referentes a pagamentos e licitação. A força-tarefa investiga fraudes em processos licitatórios e na execução de contratos de prestação de serviços de limpeza em imóveis ligados a prefeitura de Aracatu, no sudoeste baiano. 

Os secretários de Finanças e o de Administração e o prefeito de Aracatu, Sérgio Silveira Maia, foram afastados dos cargos por tempo indeterminado. A decisão foi tomada nesta terça pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região. O afastamento ocorreu devido um pedido da PF.

A mesma empresa investigada também foi contratada irregularmente pelo muncípio de Palmas de Monte Alto, na Bahia, onde foi deflagrada também nesta terça a operação Syagrus.

Leia mais:

Operações contra fraudes em prefeituras na Bahia são deflagradas pela PF

 

Notícias relacionadas

[Metrópole reprisa entrevista especial com MK ]
Bahia

Metrópole reprisa entrevista especial com MK 

Por Metro1 no dia 13 de Dezembro de 2019 ⋅ 10:27 em Bahia

As duas horas de programa serão exibidas ainda no canal do youtube.com/portalmetro1. A condução da entrevista ficou a cargo de James Martins