Bahia

Após surto, homem destrói imagens de igreja em Arembepe

Um homem entrou em uma igreja em Camaçari, no Litoral Norte, e destruiu 11 imagens sacras do templo, no final da tarde da terça-feira (17). Dezimário Souza Borges Júnior, de 34 anos, mais conhecido como Chacal, é salva-vidas e, conforme testemunhas, chegou na Igreja de São Francisco de Arembepe a procura do pároco Fernando Pereira. [Leia mais...]

[Após surto, homem destrói imagens de igreja em Arembepe]
Foto : Divulgação

Por Paloma Morais no dia 18 de Outubro de 2017 ⋅ 18:50

Um homem entrou em uma igreja em Camaçari, no Litoral Norte, e destruiu 11 imagens sacras do templo, no final da tarde da terça-feira (17). Dezimário Souza Borges Júnior, de 34 anos, mais conhecido como Chacal, é salva-vidas e, conforme testemunhas, chegou na Igreja de São Francisco de Arembepe a procura do pároco Fernando Pereira. Ao não encontrar o padre, o homem jogou as imagens no chão. Em entrevista ao jornal Correios, o paróco informou que não conhecia Dezimário e que ele não frequentava o templo.

O homem foi levado por parentes a uma clínica médica em Salvador. O caso foi registrado na 26ª Delegacia, em Vila de Abrantes. De acordo com a delegada Daniele Monteiro, titular da unidade, Dezimário é usuário de drogas. Conforme testemunhas, Dezimário havia passado a tarde em um bar. “Ele continua internado numa clínica em Salvador. Ele estava de férias e fez uso de maconha. O que se fala é que ele fez uso de outra substância mais potente, o que teria levado a um surto psicótico”, declarou a delegada.

Ainda segundo a investigadora, foi instaurado um inquérito por danos em objetos de valor artístico, arqueológico ou histórico e que prevê pena de seis meses a dois anos de prisão. “Se for comprovado que realmente houve um surto psicótico, a gente vai fazer um termo circunstanciado e caberá à Justiça a decisão de se deixar de aplicar a pena em razão disso”, disse a delegada.

De acordo com o padre Fernando, foram destruídas imagens de Nossa Senhora Aparecida, Nossa Senhora de Candeias, São Francisco de Assis, Santo Antônio, Nossa Senhora das Graças, Nossa Senhora da Conceição, São Pedro, Bom Jesus dos Navegantes, Santo Antônio de Categeró, Santa Clara e de Nossa Senhora do Parto,algumas dessas possuíam até 120 anos.

 

 

Notícias relacionadas