Bahia

Após dois meses, professores da Uneb encerram greve

A assembléia docente decidiu que o retorno das aulas acontecerá após a discussão e construção do novo calendário acadêmico

[Após dois meses, professores da Uneb encerram greve]
Foto : Divulgação

Por Kamille Martinho no dia 12 de Junho de 2019 ⋅ 14:51

Os professores da Universidade Estadual da Bahia (Uneb) aceitaram hoje (12) a proposta do governo e decidiram encerrar a greve, que já durava mais de dois meses. A assembléia docente decidiu que o retorno das aulas acontecerá após a discussão e construção do novo calendário acadêmico.

A assessoria de comunicação da universidade informou que os docentes, no entanto, permanecem em "estado de mobilização" para cobrar itens do governo que ainda não foram acordados. Ou seja, em caso de divergências nas negociações, uma nova paralisação pode acontecer. Entre os pontos ainda sem acordo está a reivindicação do pagamento de 5,9% de reajuste no salário base no ano de 2019.

Amanhã as discussões para tratar da reposição dos dias de aulas perdidos serão iniciadas.

Notícias relacionadas