Bahia

Reconstituição da morte do miliciano Adriano da Nóbrega envolve 50 policiais

Peritos criminais e técnicos analisarão as informações dos depoimentos e repetirão os movimentos da ação realizada em 9 de fevereiro

[Reconstituição da morte do miliciano Adriano da Nóbrega envolve 50 policiais]
Foto : Alberto Maraux / SSP-BA

Por Metro1 no dia 12 de Julho de 2020 ⋅ 08:48

A Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), através das polícias Civil e Técnica, inicia nas primeiras horas deste domingo (12) a reprodução simulada da operação realizada para o prender o miliciano Adriano Nóbrega. As equipes envolvidas no confronto que terminou com a morte do acusado vão refazer todo o percurso, ocorrido no dia 9 de fevereiro deste ano, na cidade de Esplanada. Cerca de 50 policiais participam da reconstituição.

Solicitada pelo Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), a reprodução simulada é coordenada pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT). Os peritos criminais e técnicos analisarão as informações dos depoimentos e repetirão os movimentos, nos locais onde eles ocorreram.

Notícias relacionadas