Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Brasil

Presidente do TSE avalia positivamente as eleições municipais e ratifica segurança do sistema eleitoral

Afirmações feitas por Barroso acontecem após o presidente Jair Bolsonaro questionar eficácia da operação

[Presidente do TSE avalia positivamente as eleições municipais e ratifica segurança do sistema eleitoral]
Foto : Roque de Sá/Agência Senado

Por Adele Robichez no dia 30 de Novembro de 2020 ⋅ 10:40

O presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), ministro Luís Roberto Barroso, afirmou na noite de ontem (29) que a realização das eleições em meio à pandemia do coronavírus foi positiva e reafirmou que não há risco de fraude às urnas eletrônicas, após o presidente da República Jair Bolsonaro questionar o sistema eleitoral ontem (29).

O ministro destacou que o TSE montou uma comissão de especialistas em saúde para planejar a eleição e que o Congresso atuou de maneira célebre ao aprovar o adiamento da eleição de outubro para novembro, mudança de data que fez com que a eleição ocorresse em um período em que a incidência do coronavírus estava em menos da metade do que esteve em momento de pico, segundo ele.

"No geral, em todo Brasil todas as medidas de segurança foram observadas, as pessoas usaram máscara e respeitam protocolos", reforçou o ministro. A eleição, para ele, foi um sucesso também no número de abstenções: "bastante bom dentro do cenário da pandemia", avaliou.  Foram feitas, também, parcerias com representantes das redes sociais para coibir a propagação de fake news.

Após declarações de Bolsonaro duvidando da segurança dos resultados das eleições brasileiras, o ministro afirmou que jamais foram apresentados indícios contra o sistema brasileiro e se mostrou orgulhoso da operação. "A OEA, que aqui funciona como observadora das eleições, registrou que esse é o mais ágil e seguro sistema de apuração eleitoral das Américas", disse.

Notícias relacionadas