Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Brasil

Pandemia: Reclamações contra companhias aéreas crescem 60% em site do governo

Após o mês de outubro, houve um crescimento substancial do número de registros sobre problemas com o SAC, especialmente para a remarcação de voos

[Pandemia: Reclamações contra companhias aéreas crescem 60% em site do governo]
Foto : Divulgação/Salvador Bahia Airport

Por Luciana Freire no dia 05 de Março de 2021 ⋅ 15:00

A plataforma “consumidor.gov”, do governo federal, registrou aumento de mais de 60% de reclamações de pessoas com problemas para cancelar, remarcar ou conseguir um reembolso de passagens áreas em dezembro de 2020 em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Segundo dados monitorados pela Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), após o mês de outubro, houve um crescimento substancial do número de registros sobre problemas com o Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) de companhias aéreas e falta de atendimento adequado, especialmente para a remarcação de voos.

Um ranking divulgado pelo site AirlineRatings na última terça (4) elegeu a companhia aérea australiana Qantas a mais segura para voar em 2021. O site avalia a segurança de 385 empresas de todo o mundo. Não há empresa brasileira na lista.

 

Notícias relacionadas