Sábado, 19 de junho de 2021

Brasil

CPI da Covid: executivo da Pfizer confirma que Brasil ignorou ofertas da vacina em 2020

De acordo com Murillo, chegaram a ser oferecidas 1,5 milhão de doses para entrega ainda em dezembro

CPI da Covid: executivo da Pfizer confirma que Brasil ignorou ofertas da vacina em 2020

Foto: Reprodução/TV Senado

Por: Geovana Oliveira no dia 13 de maio de 2021 às 13:22

O gerente-geral da farmacêutica Pfizer na América Latina, Carlos Murillo, afirmou nesta quinta-feira (13), em depoimento à CPI da Covid, que o Brasil ignorou diversas ofertas do imunizante em 2020. Segundo ele, o primeiro contato da farmacêutica com o governo federal foi em maio do último ano. 

Murillo detalhou as propostas apresentadas desde agosto. Uma delas, de 70 milhões de doses, sendo que 500 mil chegariam ainda em dezembro do último ano. Ao todo, de acordo com o representante, três ofertas foram feitas em agosto, e chegaram a ser oferecidas 1,5 milhão de doses para entrega ainda em dezembro.   

Nesta quarta-feira (12), também em depoimento à CPI, o ex-secretário de Comunicação Social do governo Fabio Wajngarten disse que o contato da Pfizer com autoridades brasileiras se deu no dia 12 de setembro.

A Comissão Parlamentar de Inquérito do Senado apura ações e omissões do governo federal no enfrentamento da pandemia de Covid, bem como eventual desvio de verbas federais enviadas a estados e municípios. 

CPI da Covid: executivo da Pfizer confirma que Brasil ignorou ofertas da vacina em 2020 - Metro 1