Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Terça-feira, 27 de fevereiro de 2024

Brasil

Produtora dos shows de Taylor Swift será investigada pela polícia e CEO admite erro

O inquérito vai apurar se a empresa Time for Fun teve responsabilidade na morte de Ana Clara Benevides

Produtora dos shows de Taylor Swift será investigada pela polícia e CEO admite erro

Foto: Reprodução

Por: Metro1 no dia 23 de novembro de 2023 às 11:30

Atualizado: no dia 23 de novembro de 2023 às 12:58

Após a morte de Ana Clara Benevides durante o show de Taylor Swift no Rio de Janeiro, a Delegacia do Consumidor decidiu abrir um inquérito para apurar as condutas da Time For Fun (T4F), empresa responsável por produzir os shows da cantora no Brasil. As informações são da revista Veja. 

O objetivo da investigação é saber se a empresa teve responsabilidade na morte da jovem. Ana, de 23 anos anos, morreu após passar mal durante o evento na última sexta-feira (17). “Após tomar conhecimento de relatos do público presente no evento, a Delegacia do Consumidor (Decon) instaurou inquérito para apurar o crime de perigo para a vida ou saúde. Os organizadores do evento serão chamados para prestar depoimento e outras diligências estão em andamento para apurar os fatos”, informou a delegacia. 

Após as acusações, o CEO da T4F, Serafim Abreu, veio a público se pronunciar sobre os acontecimentos relacionados à turne. “Reconhecemos que poderíamos ter tomado algumas ações alternativas adicionais a todas as outras que fizemos, como criar locais de sombras em locais externos [...] Esse aprendizado nos fez incorporar novas práticas para eventos em dias de calor extremo”, pontuou Serafim, ao pedir desculpas àqueles que não tiveram uma boa experiência.

O CEO também se pronunciou em relação à morte de Ana Benevides e anunciou publicamente estar à disposição para prestar assistência aos familiares no que for necessário. Segundo Serafim Abreu, a família já foi informada.