Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Domingo, 14 de abril de 2024

Brasil

Promotor é denunciado após chamar advogada de "galinha" durante audiência em Minas Gerais

Segundo ata do julgamento, Francisco Santiago disse ainda que a advogada faria um "striptease" no tribunal. Uma representação transita contra ele junto ao Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP)

Promotor é denunciado após chamar advogada de "galinha" durante audiência em Minas Gerais

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Por: Metro1 no dia 03 de abril de 2024 às 10:42

Durante audiência no Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), o promotor de justiça Francisco Santiago ofendeu a advogada criminalista Sarah Quinetti Pinoni, chamando-a de “galinha garnizé”. Ele disse ainda que ela estava fazendo “striptease” durante a sessão.

As ofensas do membro do Ministério Público de Minas (MPMG) constam na transcrição da audiência, que aconteceu no dia 26 de março, e motivaram uma representação contra ele junto ao Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). A denúncia foi protocolada pelos conselheiros Rodrigo Badaró e Rogério Varela, que representam a categoria da advocacia na composição do CNMP.

De acordo com o jornal O Globo, no documento, os dois solicitam à Corregedoria do órgão que afaste Santiago do posto de promotor durante as apurações sobre sua conduta. “Como se vê, ao invés de utilizar suas prerrogativas funcionais e o tempo da acusação para convencer os jurados, o Promotor de Justiça optou voluntariamente por dirigir ofensas à advogada Sarah Quinetti Pironi, que se encontrava no pleno exercício de sua função de previsão constitucional”, diz trecho da representação enviada à corregedoria do CNMP.

Após as ofensas, que foram registradas na ata do julgamento, Sarah começou a gravar um vídeo com seu celular, momento em que pediu para que o promotor repetisse os xingamentos, o que não aconteceu.