Brasil

Operação desarticula organização especializada em fraudes cibernéticas

A segunda fase da Operação Darkode foi deflagrada pela Polícia Federal nesta terça-feira (21). [Leia mais...]

[Operação desarticula organização especializada em fraudes cibernéticas ]
Foto : Agência Brasil

Por Matheus Morais no dia 21 de Março de 2017 ⋅ 09:42

A segunda fase da Operação Darkode foi deflagrada pela Polícia Federal nesta terça-feira (21). O objetivo é desarticular uma organização criminosa especializada em fraudes contra o sistema bancário, por meio eletrônico, além de investigar a negociação de informações úteis à prática de crimes cibernéticos.

A PF estima que o grupo tenha causado um prejuízo de mais de R$ 2,5 milhões, sobretudo mediante fraudes contra o sistema bancário. A operação envolve cerca de 100 policias que cumprem 37 mandados judiciais, sendo quatro de prisão preventiva, 15 de prisão temporária e 18 de busca e apreensão, em residências e em empresas vinculadas à organização.

A PF fez diligências nas cidades de Goiânia, Aparecida de Goiânia (GO), Anápolis (GO) e Senador Canedo (GO), bem como nos estados do Pará, de Tocantins, de Santa Catarina e no Distrito Federal. A primeira fase da operação prendeu duas pessoas em julho de 2015. 

Notícias relacionadas