Brasil

Gol começa a cobrar despacho de bagagem a partir de 20 de junho

A companhia aérea Gol anunciou na última sexta-feira (5) que vai começar a cobrar pela bagagem despachada no dia 20 de junho. As novas regras começam a valer para bilhetes vendidos após essa data. [Leia mais...]

[Gol começa a cobrar despacho de bagagem a partir de 20 de junho]
Foto : Divulgação / Gol

Por Laura Lorenzo no dia 06 de Maio de 2017 ⋅ 12:19

A companhia aérea Gol anunciou na última sexta-feira (5) que vai começar a cobrar pela bagagem despachada no dia 20 de junho. As novas regras começam a valer para bilhetes vendidos após essa data.

Com a mudança, a companhia terá uma nova classe tarifária promocional, a tarifa Light, para clientes que viajarem apenas com a mala de mão, que tem até 10 kg como máximo de peso. A Gol informou ainda que os clientes que comprarem passagens na nova classe tarifária poderão despachar a mala e pagar pelo serviço a parte. O preço será menor para os clientes que comprarem o serviço antes do voo.

Já os passageiros que decidirem decidir despachar a mala no balcão ao fazer check-in, pagarão valores mais altos. A primeira mala despachada em voos nacionais terá o preço de R$ 30 ou R$ 60, dependendo do local em que a passagem foi comprada. Para os voos internacionais, o valor varia entre US$ 10 e US$ 20.

“A Gol entende que a mudança nas regras de franquia de bagagens aproxima o país dos padrões adotados na aviação mundial. O cliente poderá escolher a melhor forma de realizar sua viagem, pagando menos se não despachar mala”, afirmou o Eduardo Bernardes, vice-presidente de vendas e marketing da Gol, em comunicado.

Azul

A companhia Azul também anunciou, nesta semana, que vai começar a cobrar pelo despacho de bagagens a partir do mês que vem. De acordo com a empresa, a partir do dia 1º de junho uma nova classe tarifária promocional será lançada para clientes que aceitarem viajar só com a mala de mão. Nestes casos, a companhia oferece descontos de até 30%. Além disso, será cobrado a tarifa de R$ 30 para os passageiros que quiserem ter a mala despachada.

Notícias relacionadas