Brasil

Australiano atropelado em Copacabana estava foragido por pedofilia há 22 anos

Na época do atropelamento, ele foi identificado como Daniel Marcos Philip, 68 anos, mas se trata na verdade de Christopher John Gott, segundo o jornal The Australian. [Leia mais...]

[Australiano atropelado em Copacabana estava foragido por pedofilia há 22 anos]
Foto : Reprodução/TV Globo

Por Clara Rellstab no dia 12 de Abril de 2018 ⋅ 12:20

O australiano que foi atropelado com outras 17 pessoas na Praia de Copacabana, no Rio, em janeiro, está foragido da polícia do país há mais de 20 anos por pedofilia.

Na época do atropelamento, ele foi identificado como Daniel Marcos Philip, 68 anos, mas se trata na verdade de Christopher John Gott, segundo o jornal The Australian.

Ele foi condenado a seis anos de prisão por 17 acusações de agressão sexual, inclusive o estupro de dois adolescentes de 14 e 16 anos.

Gott foi identificado depois de ter as digitais coletadas, de acordo com o jornal. Na época do acidente, a polícia do Rio informou inicialmente que ele era um turista australiano.

Notícias relacionadas

[Ano de 2020 terá nove feriados prolongados]
Brasil

Ano de 2020 terá nove feriados prolongados

Por Kamille Martinho no dia 15 de Novembro de 2019 ⋅ 13:40 em Brasil

Estão previstos no calendário nacional nove datas em que o dia de folga cai às segundas, terças, quintas ou sextas-feiras

[Brasil entrega presidência rotativa do Brics]
Brasil

Brasil entrega presidência rotativa do Brics

Por Kamille Martinho no dia 15 de Novembro de 2019 ⋅ 13:20 em Brasil

Bolsonaro ressaltou a importância da cooperação entre os cinco países e fez um balanço dos principais temas tratados durante o ano