Brasil

‘Temos uma efetiva ameaça à segurança pública que tem que ser censurada’, diz Gilmar

"Um protesto, em princípio, pode ser legítimo. Agora, a paralisação de rodovias, a interrupção, a ameaça à circulação de ir e vir das pessoas é obviamente ilegal", afirmou o ministro.

[‘Temos uma efetiva ameaça à segurança pública que tem que ser censurada’, diz Gilmar]
Foto : José Cruz/Agência Brasil

Por Metro1 no dia 25 de Maio de 2018 ⋅ 15:30

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, afirmou hoje (25) que a paralisação de caminhoneiros deve ser repudiada e censurada pelo governo federal por ser uma ameaça à segurança pública do país.

“Temos hoje uma efetiva ameaça à segurança pública e me parece que isso precisa ser claramente repudiado", disse o ministro.

Apesar de reconhecer que os protestos são legítimos, o ministro afirma que "a paralisação de rodovias, a interrupção, a ameaça à circulação de ir e vir das pessoas é obviamente ilegal".

Por esse motivo, Gilmar ainda diz que "o governo tem que reprimir isso com toda a ênfase e usar também do aparato à disposição, a Procuradoria, a Justiça para que isso não ocorra”.

Notícias relacionadas