Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Brasil

Barroso diz que 'polícia só deve entrar em universidade se for para estudar'

Gilmar Mendes também afirmou que a Justiça precisa ter “cautela” para evitar exageros em ações nas universidades

[Barroso diz que 'polícia só deve entrar em universidade se for para estudar']
Foto : Fernando Frazão/Agência Brasil

Por Marina Hortélio no dia 26 de Outubro de 2018 ⋅ 16:40

Em vista das ações policiais em universidades por todo o Brasil, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, afirmou que, apesar de não se pronunciar sobre casos concretos, a polícia "só deve entrar em uma universidade se for para estudar".

As ações policiais, que vem acontecendo há três dias, tem relação com à fiscalização de suposta propaganda eleitoral irregular. 

O também ministro do STF, Gilmar Mendes, afirmou hoje (26) que a Justiça precisa ter “cautela” para evitar exageros em ações nas universidades.

Notícias relacionadas