Quinta-feira, 05 de agosto de 2021

Brasil

Antes da proibição legal, Roger Waters exibe 'Ele Não!' em telão de show em Curitiba

Todos os envolvidos no evento foram notificados sobre a proibição de exibir "dístico, hashtag ou qualquer outra conduta que configure propaganda de apoio ou de repúdio" após as 22h de ontem (27)

Antes da proibição legal, Roger Waters exibe 'Ele Não!' em telão de show em Curitiba

Foto: Reprodução/Instagram

Por: Marina Hortélio no dia 28 de outubro de 2018 às 08:30

Assim como fez nos outros shows da turnê "Us + Them", o ex-Pink Floyd Roger Waters protestou contra o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) na apresentação de Curitiba, na noite de ontem (27).

Pouco antes das 22h, as luzes do Estádio Major Antônio Couto Pereira, onde o cantor se apresentou, se apagaram e, no telão, apareceu o texto: "Temos 30 segundos. Essa é a nossa última chance de resistir ao fascismo antes de domingo. Ele Não!". Em seguida, apareceu n telão a mensagem: “São 10h. Obedeçam a Lei”. 

A legislação eleitoral do Brasil restringe as manifestações político-partidárias a partir das 22h do dia anterior ao pleito. Na última sexta-feira (26), a Justiça Eleitoral do Paraná mandou advertir as produções de grandes eventos sobre a restrição.

Assinada pelo juiz eleitoral Douglas Peres, a decisão foi baseada em um pedido do Ministério Público Eleitoral que citava o show de Waters.

O MPE pedia que todos os envolvidos no show do ex-Pink Floyd fossem notificados sobre a proibição de exibir "dístico, hashtag ou qualquer outra conduta que configure propaganda de apoio ou de repúdio".

Antes da proibição legal, Roger Waters exibe 'Ele Não!' em telão de show em Curitiba - Metro 1