Terça-feira, 03 de agosto de 2021

Brasil

Goleiro Bruno é inocentado em caso de vídeo com mulheres

A decisão favorece o atleta para que ele obtenha a progressão de pena e siga para o regime semiaberto

Goleiro Bruno é inocentado em caso de vídeo com mulheres

Foto: Divulgação/TJ-MG

Por: Marina Hortélio no dia 06 de novembro de 2018 às 14:40

Preso desde 2010 pela morte de Eliza Samúdio e pelo cárcere privado do filho Bruninho, o goleiro Bruno foi absolvido no processo administrativo disciplinar instaurado para apurar o caso de um vídeo, divulgado no mês passado, em que ele aparece ao lado de mulheres em um bar quando deveria estar prestando serviços a uma entidade de apoio aos detentos. O processo foi finalizado ontem (5).

Bruno havia perdido o direito de realizar trabalhos externos após o ocorrido, entretanto, a decisão de ontem favorece o atleta para que ele obtenha a progressão de pena e siga para o regime semiaberto.

O goleiro foi inocentado no caso do vídeo por uma comissão formada dentro do presídio de Varginha (MG), onde Bruno cumpre pena. Após os relatos das testemunhas, a conclusão foi de que ele não cometeu irregularidades ao se encontrar com duas mulheres e ser flagrado com uma lata de cerveja sobre a mesa.

Goleiro Bruno é inocentado em caso de vídeo com mulheres - Metro 1