Brasil

TCU aponta 38 órgãos públicos federais vulneráveis à fraude e corrupção

De acoro com a auditoria, juntos, os órgãos gerenciam R$ 216 bilhões

[TCU aponta 38 órgãos públicos federais vulneráveis à fraude e corrupção]
Foto : Agência Brasil

Por Matheus Simoni no dia 21 de Novembro de 2018 ⋅ 13:40

Uma auditoria feita pelo Tribunal de Contas da União (TCU) apontou 38 órgãos públicos que estão mais suscetíveis à fraude e corrupção. O levantamento analisou sistemas de controles dos órgãos do Executivo e a compatibilidade com os respectivos poderes econômico e regulatório.

Segundo reportagem do jornal Estado de S. Paulo, as informações colhidas em 287 instituições resultaram em um "mapa de risco" que revela importantes vulnerabilidades. Nas 38 unidades com maior poder econômico, por exemplo, os sistemas de controle são considerados "frágeis". 

De acoro com a auditoria, juntos, os órgãos gerenciam R$ 216 bilhões. Dados da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) apontam que a corrupção atinge 2,3% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro. Dois em cada cinco executivos pagam propina ao prestar serviços ou negociar com poder público, segundo a Transparência Internacional. 

Notícias relacionadas