Brasil

Brasil transfere tecnologia do portal do consumidor para a Argentina

A plataforma é um serviço público grátis que permite a consumidores e empresas cadastradas negociar soluções para eventuais conflitos de consumo

[Brasil transfere tecnologia do portal do consumidor para a Argentina]
Foto : Pexels

Por Kamille Martinho no dia 10 de Setembro de 2019 ⋅ 17:00

Disponível na internet desde junho de 2014, a plataforma consumidor.gov.br deve ganhar em breve uma versão adaptada pelo governo da Argentina para o mercado local.

Convênio assinado hoje (10), em Brasília, prevê que o Ministério da Justiça e Segurança Pública do Brasil transfira, ao Ministério da Produção e Trabalho da Argentina, a tecnologia e o projeto necessários à construção de um serviço de solução, prevenção e redução de conflitos de consumo semelhantes ao brasileiro.

Segundo o secretário Nacional do Consumidor, Luciano Timm, Uruguai e Paraguai também já manifestaram interesse na tecnologia desenvolvida e administrada pelo Ministério da Justiça com o propósito de estimular a resolução de conflitos de forma rápida e desburocratizada.

“Teremos muito prazer em trabalhar em conjunto na defesa global do consumidor por meio desta plataforma”, disse Timm, acrescentando que a tecnologia está à disposição de outros países membros do Mercosul e da América Latina.

A plataforma é um serviço público grátis que permite a consumidores e empresas cadastradas negociar soluções para eventuais conflitos de consumo.

Notícias relacionadas