Brasil

Brasil cogita sair do Mercosul caso Argentina rejeite abertura ampla

Caso se concretize, estratégia será uma medida drástica para a implementação do plano do ministro da Economia, Paulo Guedes, de promover a abertura econômica

[Brasil cogita sair do Mercosul caso Argentina rejeite abertura ampla]
Foto : Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Por Metro1 no dia 23 de Outubro de 2019 ⋅ 09:00

O Brasil cogita deixar o Mercosul se a Argentina não concordar com a redução de alíquotas de importação a serem praticadas pelo bloco dentro de quatro anos. Dos mais de 10 mil itens negociados, Uruguai e Paraguai já fecharam com o Brasil em 80%, segundo a Folha.

A estratégia de sair do bloco, revelada por representantes dos países, será uma medida drástica para que o Brasil possa implementar o plano do ministro da Economia, Paulo Guedes, de promover a abertura da economia e o aumento da produtividade. Essas medidas estavam previstas para serem retomadas com mais força pelo governo após a reforma da Previdência.

Com a saída do Mercosul, seria criado um novo impasse em relação ao acordo de livre-comércio com a União Europeia. O governo já faz consultas para saber se o tratado valeria para o Brasil mesmo fora do bloco.

Na última proposta tarifária discutida entre os países, revelada pelo jornal Valor Econômico, a indústria será a mais afetada, com redução média do imposto de importação para o setor de 13,6% para 6,4%. Além de questionar a metodologia, a Argentina não enviou sua proposta para os itens em discussão.

Notícias relacionadas