Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Cidade

Prefeitura prepara 32 postos de vacinação em Salvador

Desse locais, nove serão estruturas novas, que operarão no sistema "drive thru"

[Prefeitura prepara 32 postos de vacinação em Salvador]
Foto : Jefferson Peixoto/Secom

Por Adele Robichez no dia 13 de Janeiro de 2021 ⋅ 14:00

Segundo uma nota divulgada pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Salvador hoje (13), serão disponibilizados 32 pontos de imunização na cidade, implantados em locais estratégicos. Desse locais, nove serão estruturas novas, que operarão no sistema "drive thru", onde a população poderá ser vacinada dentro de seus carros. A pasta estima conseguir aplicar 15 mil doses da vacina contra o coronavírus por hora.

O anúncio informa que um dos lugares será o complexo de saúde Clementino Fraga, nos Barris, e deve anunciar em breve as outras localidades.

Salvador ainda aguarda as doses do governo federal, que serão adquiridas pela União e distribuídas aos estados e municípios brasileiros.

Além disso, o Plano Municipal de Imunização prevê a disponibilidade de 202 salas e 506 boxes para colocá-lo em ação. Equipes de saúde realizarão a vacinação extramuros em instituições que abrigam idosos e hospitais, em residências com indivíduos que encontram-se acamados e na população em situação de rua.

"Estamos preparados para iniciar a imunização na cidade em até 72 horas após a chegada das doses em nosso estoque", afirmou o secretário da Saúde, Leo Prates. "A estrutura montada contempla todos os tipos de imunizantes que foram desenvolvidos até o momento, inclusive o da Pfizer, que requer acondicionamento em baixíssima temperatura", disse.

O representante revelou estar em contato com os laboratórios para assegurar que a vacina esteja disponível "o mais rápido possível para os soteropolitanos".

A vacinação na capital baiana está prevista para acontecer de segunda a sexta, das 8h às 17h, mas há a possibilidade de estender o horário dos serviços para 22h e e de funcionar aos sábados, domingos e feriados.

Notícias relacionadas