Sábado, 04 de dezembro de 2021

Cidade

Professores municipais não voltarão às aulas presenciais em Salvador: 'Só quando todo mundo for vacinado'

A decisão foi tomada ontem (27), durante uma reunião com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB)

Professores municipais não voltarão às aulas presenciais em Salvador: 'Só quando todo mundo for vacinado'

Foto: Secom/PMS/Arquivo

Por: Kamille Martinho no dia 28 de abril de 2021 às 08:46

Os professores da rede municipal de ensino de Salvador decidiram que, sem vacinação completa da categoria,  não vão retomar às aulas de forma presencial na próxima segunda-feira (3). A decisão foi tomada ontem (27), durante uma reunião com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB).

“Nós não aceitamos de jeito nenhum, atividade presencial. Nos dias 3, 4 e 5, queremos a revogação do decreto, e só com atividades remotas. Vamos trabalhar só de forma remota, ninguém vai para sala de aula”, disse o coordenador-geral da APLB, Rui Oliveira ao G1. “Queremos vacina para todos. Já morreram 140 profissionais da educação na Bahia. Em Salvador, nos últimos 20 dias, morreram quatro diretores de escola", completa.

O prefeito da capital baiana, Bruno Reis, anunciou na última sexta-feira (23) a retomada das aulas de forma semipresencial. De acordo com o protocolo, a o retorno deve obedecer um escalonamento e apenas cerca de 50% da turma poderá estar na sala.

Segundo o site, a Secretaria de Comunicação da prefeitura de Salvador informou que Bruno Reis vai se reunir novamente com a APLB nesta quarta-feira (28) para reforçar o apelo feito à categoria.

Professores municipais não voltarão às aulas presenciais em Salvador: 'Só quando todo mundo for vacinado' - Metro 1