Sexta-feira, 18 de junho de 2021

Cidade

Com 'protocolo antiaglomeração', movimento faz protesto contra Bolsonaro no Campo Grande

Ação fará homenagem às mães que morreram pela covid-19

Com 'protocolo antiaglomeração', movimento faz protesto contra Bolsonaro no Campo Grande

Foto: Divulgação

Por: Adele Robichez no dia 07 de maio de 2021 às 09:02

Um ato contra o presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) será realizado nesta sexta-feira (7), às 16h30, no Campo Grande, em frente ao Teatro Castro Alves. Próximo ao Dia das Mães, a ação fará uma homenagem às mães que morreram pela covid-19. 

Um dos organizadores, Cristiano Cabral, do Coletivo de Ação Fora Bolsonaro nas Ruas, afirma que o ato será feito frente à necessidade, que os trabalhadores do setor público e os grupos de ativistas diversos veem, da retomada de ações na rua. De acordo com ele, especialistas foram consultados e um protocolo sanitário rigoroso será seguido para evitar contágios da doença durante o protesto.

“O ato acontecerá com os devidos cuidados sanitários rigorosos. Nós consultamos especialistas da área, que passaram recomendações. Teremos uma comissão de segurança para fiscalizar medidas. Não será permitido ficar sem máscara, não pode aglomerar, iremos sugerir distância e utilização de álcool em gel. E será em local aberto, condição que diminui drasticamente a possibilidade de transmissão", disse ao Metro1.

Cabral vê o ato como urgente, e diz que ações como esta são essenciais para preservar a vida. "Não vamos fazer qualquer tipo de propagação do vírus, muito pelo contrário: estamos lutando pela vida. E preservar a vida no Brasil é exigir o afastamento imediato do presidente”. Ele cita o “assassinato em massa no pais” e a “promoção de um genocídio” por parte do governo federal.

“Na semana das mães, denunciaremos a dor de milhares de famílias, prestando solidariedade aos familiares das vítimas. Vamos acender velas na calçada do Campo Grande, que representam as mortes, e todos serão livres para fazer homenagens”, explica o organizador. Além disso, ele informa que serão recolhidos donativos para a Associação das Mulheres e que irão dialogar com as integrantes sobre o que está acontecendo no país. 

Com 'protocolo antiaglomeração', movimento faz protesto contra Bolsonaro no Campo Grande - Metro 1