Terça-feira, 21 de setembro de 2021

Cidade

Moradora conta como quadrilha conseguiu entrar em prédio luxuoso no Apipema

Invasão de apartamento aconteceu no último sábado (24)

Moradora conta como quadrilha conseguiu entrar em prédio luxuoso no Apipema

Foto: Reprodução

Por: Gabriel Amorim no dia 26 de julho de 2021 às 11:57

A invasão a um apartamento no prédio de luxo Mansão Professor Pedro Calmon no bairro do Jardim Apipema, em Salvador aconteceu por uma falha na equipe de segurança do condomínio. É essa a avaliação de uma moradora do edifício que conversou com o Metro1. “Foi uma falha de segurança. A menina se identificou como neta de um morador e o porteiro deixou entrar. Acho que eles têm se aproveitado da segurança que está meio falha”, disse a moradora, que pediu para não ser identificada.

Segundo ela, o porteiro que estava em serviço no momento da invasão, por volta das 12h30 de sábado (25), chegou a interfonar para o apartamento invadido. ”Não tinha ninguém lá. Como ela se identificou como neta, ele deixou entrar”, relata.  Do apartamento invadido, no 28º andar do edifício, foram levadas joias, dinheiro, e até um cofre, segundo relato dos moradores em um grupo de mensagem. “Quando peguei o telefone tinha muita mensagem falando do assalto, todo mundo comentando”, diz a moradora. 

O apartamento foi invadido por quatro pessoas. A menor de 17 anos, primeira a entrar, facilitou a entrada de outros três homens. As câmeras de vigilância do edifício registraram toda a movimentação dos suspeitos dentro do prédio.  As investigações apontam que a quadrilha saiu de São Paulo, para agir em Salvador. Um outro prédio, em Ondina, também foi invadido no início da última semana. 
 

Moradora conta como quadrilha conseguiu entrar em prédio luxuoso no Apipema - Metro 1