Domingo, 05 de dezembro de 2021

Cidade

Em manifestação, servidores municipais pedem saída de secretário por "preguiça negocial"

Os servidores prometem manter a Secretaria de Gestão paralisada enquanto não houver diálogo

Em manifestação, servidores municipais pedem saída de secretário por "preguiça negocial"

Foto: Divulgação Sindseps

Por: Maria Clara Andrade no dia 27 de outubro de 2021 às 09:22

Na véspera do Dia do Servidor Público, os trabalhadores municipais da Secretaria Municipal de Gestão (Semge) pedem a saída do titular da pasta, Thiago Dantas. Os manifestantes fazem nesta quarta-feira (27) uma manifestação na sede do órgão, no Largo dos Aflitos. A expectativa do grupo é permanecer no local até o fim do dia.

Os servidores reclamam do que seria uma "preguiça negocial" por parte da prefeitura. Bruno Carianha,  um dos dirigentes do Sindicato dos Servidores da Prefeitura de Salvador (Sindseps), afirma que o secretário de gestão se recusou a negociar com a categoria. Em resposta a isso, "a gente também vai paralisar o órgão e deixar ai fechado", disse Carianha.

Entre as pautas defendidas está o abono dos aposentados, a revisão das políticas de afastamento - Carianha afirma que mulheres em licença maternidade perdem praticamente metade do salário porque são retirados os adicionais e gratificações que lhe são dados enquanto estão trabalhando -, e um mutirão de análise de aposentadoria.

Procurada pelo Metro1, a Secretaria Municipal de Gestão afirma que o secretario Thiago Dantas está aberto às negociações com todas as categorias. porém a Prefeitura estaria "impossibilitada de assumir novos compromissos financeiros". Entre outros pontos, em nota, a Secretaria nega pagar menos que um salário mínimo aos aposentados, como os trabalhadores do sindicato acusaram.

Em manifestação, servidores municipais pedem saída de secretário por "preguiça negocial" - Metro 1