Terça-feira, 25 de janeiro de 2022

Cidade

Agentes da prefeitura e Limpurb retiram pertences de moradores em situação de rua no Pela Porco; veja vídeo

"Por acaso somos lixo? Os pertences das pessoas são lixo?", diz texto publicado pelo movimento Pop Rua da Bahia

Agentes da prefeitura e Limpurb retiram pertences de moradores em situação de rua no Pela Porco; veja vídeo

Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal/Montagem

Por: Geovana Oliveira no dia 13 de janeiro de 2022 às 17:35

[Atualizada às 19h00]

O Movimento Nacional da População de Rua, sessão Bahia, denunciou na manhã desta quinta-feira (13) uma ação da prefeitura de Salvador na Avenida Sete Portas, na região do Pela Porco. Em vídeo recebido pelo Metro1, é possível ver um caminhão da Limpurb (Empresa de Limpeza Urbana de Salvador) e uma van da prefeitura removendo os pertences das pessoas em situação de rua. 

"A prefeitura simbolicamente usou da Limpurb para atacar a população em Situação de Rua e recolher os pertences. Por acaso somos lixo? Os pertences das pessoas são lixo?", diz texto publicado pelo movimento Pop Rua da Bahia. 

De acordo com a denúncia, a ação foi truculenta e simboliza um processo de higienização racial e social. O movimento também afirma que houve participação da Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (Sempre). "A secretaria é de inclusão ou de exclusão?", diz comunicado nas redes sociais. 

Em resposta à publicação, a vereadora Marta Rodrigues (PT) afirmou que enviará ofício tanto para a Limpurb como para a Sempre para questionar a "ação higienista". 

Já Lucas Gonçalves, presidente da Salvador Invisível, criticou a desvalorização com os bens da população de rua. A ONG trabalha com a dignidade das pessoas em vulnerabilidade social.  

“O que a Limpurb recolheu é de muito valor para a população de rua. Provavelmente a Limpurb só enxergue o resíduo sólido, mas ali é também um meio de renda e a expropriação destes bens não podem ser feitas de forma arbitrária. Por que não trabalhar conjuntamente com os movimentos sociais ao invés de apenas fazer o descarte? A minha sugestão é que a Limpurb desenvolva projetos sociais de coleta seletiva que integre esta população em situação de rua, gerando dignidade e qualidade de vida”.

O Metro1 entrou em contato com a Sempre e com a Limpurb. A Secretaria de Comunicação de Salvador respondeu em nota que fazia o acolhimento de moradores em situação de rua no Pela Porco.

Veja vídeo:

Agentes da prefeitura e Limpurb retiram pertences de moradores em situação de rua no Pela Porco; veja vídeo - Metro 1