Faça parte do canal da Metropole no WhatsApp >>

Segunda-feira, 24 de junho de 2024

Home

/

Notícias

/

Política

/

Ministro de Lula diz que avanço da extrema direita na Europa deve servir de alerta para Brasil

Política

Ministro de Lula diz que avanço da extrema direita na Europa deve servir de alerta para Brasil

Declaração foi feita em discurso reunião da Organização Internacional do Trabalho (OIT) em Genebra

Ministro de Lula diz que avanço da extrema direita na Europa deve servir de alerta para Brasil

Foto: Rafa Neddermeyer/Agência Brasil

Por: Metro1 no dia 11 de junho de 2024 às 11:36

Atualizado: no dia 11 de junho de 2024 às 15:27

O ministro do Trabalho, Luiz Marinho, afirmou durante reuniões da Organização Internacional do Trabalho (OIT) que o avanço da extrema direita na Europa tem que servir de alerta para o Brasil. As informações são da coluna de Jamil Chade, no UOL.

"Nós temos de estar alerta, enfrentar o debate", disse. "Os partidos, movimentos e sindicatos precisam discutir e observar. A ocupação de território nos debates e nas ideias se dava de um jeito. Hoje, é diferente", afirmou. "Portanto, temos de debater como criar condições para isso", disse o titular da pasta em Genebra.

No fim de semana, o presidente da França, Emamanuel Macron, decidiu dissolver a Assembleia Nacional  e convocar novas eleições legislativas antecipadas após o seu partido (REM) ter sido derrotadado para o RN, de ultradireita, liderado por Marine Le Pen. Uma nova votação acontecerá em dois turnos, em 30 de junho (1º turno) e 7 de julho (2º turno).

Na quinta-feira (13), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) também irá participar da OIT. Fontes do Palácio do Planalto afirmaram à coluna que ele irá defender as democracias durante discurso.