Cidade

Neto dá primeiro indício de regulamentação do Uber em Salvador

O prefeito de Salvador e candidato à reeleição, ACM Neto (DEM), deixou no ar o primeiro indício de que pode regulamentar o aplicativo Uber, na capital baiana. Quase três meses após ter sancionado o veto a ferramenta, Neto deu a entender, na manhã desta terça-feira (30), que a liberação do serviço pode ocorrer, caso seja procurado por dirigentes da atividade. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Tácio Moreira/Metropress

Por Metro1 no dia 30 de Agosto de 2016 ⋅ 12:21

O prefeito de Salvador e candidato à reeleição, ACM Neto (DEM), deixou no ar o primeiro indício de que pode regulamentar o aplicativo Uber, na capital baiana. Quase três meses após ter sancionado o veto a ferramenta, Neto deu a entender, na manhã desta terça-feira (30), que a liberação do serviço pode ocorrer, caso seja procurado por dirigentes da atividade. “Todo mundo que procurou a prefeitura para dialogar e buscar um regulamentação teve um diálogo aberto. O que não dá é para prestar um serviço de transporte em uma cidade tão ampla, complexa à margem da lei e da fiscalização do poder público", disse à Rádio Band News.

"Foi a opção que Uber fez e por isso a prefeitura se colocou  contra um serviço que não estivesse disposto a passar por uma regulamentação”, acrescentou. Anteriormente, o candidato à reeleição era firme em suas posições contra o aplicativo. "Nós não precisamos de serviços que venham competir com o taxista. A turma lá do Uber vai enfrentar oposição da prefeitura. Nosso compromisso é com os taxistas", disse em um discurso, no último ano, segundo o jornal Correio.

Notícias relacionadas

[Homem diz ter cometido 13 estupros em Salvador e RMS ]
Cidade

Homem diz ter cometido 13 estupros em Salvador e RMS

Por Juliana Almirante no dia 12 de Outubro de 2019 ⋅ 09:00 em Cidade

Segundo a polícia, ele oferecia as oportunidades de emprego, se passava pelo motorista de um suposto contratante, e dopava as mulheres, antes de cometer os crimes