Cidade

Propeg nega irregularidades e diz que investigação não tem relação com PT

Em nota enviada à imprensa, na manhã desta terça-feira (4), a Propeg afirmou que aPolícia Federal realizou buscas nos escritórios da agência em Salvador e Brasília, além das residências de executivos da empresa. [Leia mais...]

[Imagem not found]
Foto : Reprodução/ Avec

Por Matheus Morais no dia 04 de Outubro de 2016 ⋅ 11:31


Em nota enviada à imprensa, na manhã desta terça-feira (4), a Propeg afirmou que a  Polícia Federal realizou buscas nos escritórios da agência em Salvador e Brasília, além das residências de executivos da empresa. Segundo a empresa, na ocasião, prestou-se todo o apoio à ação. 

"A Propeg tem auxiliado, por iniciativa própria, desde junho deste ano, as autoridades judiciais para esclarecer e apurar os fatos investigados. A agência antecipou-se e forneceu diversas informações, bem como prestou depoimentos espontâneos", ressalta o comunicado. 

De acordo com a Propeg, os fatos em apuração não possuem qualquer conexão com o Partido dos Trabalhadores, o Governador do Estado da Bahia e com a empresa OAS. "Com 50 anos de atuação, a Propeg age com correção, respeito às leis e seguindo as normas do mercado publicitário", diz a nota. 

Notícias relacionadas

[Médico infectologista Rodolfo Teixeira morre aos 89 anos]
Cidade

Médico infectologista Rodolfo Teixeira morre aos 89 anos

Por Matheus Simoni no dia 21 de Outubro de 2018 ⋅ 08:30 em Cidade

Professor Emérito da Faculdade de Medicina da Universidade Federal da Bahia (UFBA) e entusiasta da área de pesquisa, ele foi um idealizadores do Centro de Estudos Egas Mo...