Cidade

Metrô faz viagens de reconhecimento até Mussurunga a partir de domingo

Os trens do metrô farão viagens pré-operacionais antes de iniciar a operação comercial nas quatro novas estações no trecho entre Pituaçu e Mussurunga a partir deste domingo (3). [Leia mais...]

[Metrô faz viagens de reconhecimento até Mussurunga a partir de domingo]
Foto : Alberto Coutinho/GOVBA

Por Matheus Simoni no dia 01 de Setembro de 2017 ⋅ 15:32

Os trens do metrô farão viagens pré-operacionais nas quatro novas estações no trecho entre Pituaçu e Mussurunga a partir deste domingo (3), antes de iniciar a operação comercial. Segundo a CCR Metrô Bahia, concessionária responsável pelo sistema metroviário da capital baiana, essas viagens realizadas sem passageiros se destinam a avaliar a performance dos equipamentos e sistemas implantados, antes de liberá-los para a utilização pública.

"As viagens não comerciais no trecho entre as estações Pituaçu a Mussurunga tem como objetivo o reconhecimento do novo trecho às equipes operacionais", explica Hamilton Trindade, gestor de Operação da CCR Metrô Bahia. Quem mora ou circula próximo às estações de metrô Flamboyant, Tamburugy, Bairro da Paz e Mussurunga poderá ver a passagem dos trens pelos novos 7,5km de malha ferroviária.

Entre às 6h e 22h, os cinco modais farão o trajeto de 10,5 minutos entre as estações Pituaçu e Mussurunga, para verificar itens como comunicação visual e sonora dos trens. Por enquanto, o ponto final da Linha 2 permanece na Estação Pituaçu, onde é obrigatório o desembarque de todos os passageiros. A previsão é de que ainda em setembro, as quatro novas estações, que concluem o trajeto do metrô na Avenida Luis Viana, a Paralela, sejam abertas ao público.

Notícias relacionadas

[Ônibus voltam a circular no bairro de Santa Cruz]
Cidade

Ônibus voltam a circular no bairro de Santa Cruz

Por Juliana Rodrigues no dia 16 de Agosto de 2019 ⋅ 12:03 em Cidade

Veículos deixaram de entrar na localidade na noite de ontem (15), quando homens armados invadiram uma casa e fizeram moradores reféns por mais de uma hora