Cidade

Sem água há cinco dias, morador da Liberdade reclama: "Já gastei R$ 200"

Não é tão difícil chegar a conclusão de que a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) maltrata a população. Mesmo após o Jornal da Metrópole reunir uma série de queixas em vários pontos de Salvador, as reclamações continuam. Desta vez, a insatisfação vem do bairro da Liberdade. [Leia mais...]

[Sem água há cinco dias, morador da Liberdade reclama:
Foto : Reprodução/Google Street View

Por Gabriel Nascimento no dia 03 de Novembro de 2017 ⋅ 10:18

Não é tão difícil chegar a conclusão de que a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) maltrata a população. Mesmo após o Jornal da Metrópole reunir uma série de queixas em vários pontos de Salvador, as reclamações continuam. Desta vez, a insatisfação vem do bairro da Liberdade.

Um ouvinte da Metrópole denunciou, na manhã desta sexta-feira (3), durante o Jornal da Bahia no Ar, que há cinco dias não vê uma gota de água nas torneiras da sua casa, na Rua São Lourenço. "Pelo amor de Deus, nos ajude! Eu tenho três netos, moro na Liberdade. Na casa da minha filha faltou primeiro, ela veio para cá e já são cinco dias sem água. Já gastei quase R$ 200 comprando água", relatou o ouvinte Osvaldo.

Em contato com o Metro1, a Embasa atribuiu o problema a uma manutenção emergencial em uma rede na última terça-feira (31). Em nota, a empresa disse que "técnicos estão trabalhando para restabelecer o mais breve possível a distribuição de água nessa área" e acrescentou que a "retomada gradativa [depois do serviço] foi interrompida pela quebra inesperada de um equipamento da rede distribuidora".

Leia também:

Manutenção em rede da Embasa deixa quatro bairros sem água em Salvador

Assim fica difícil... Moradores da Ilha de Maré voltam a reclamar de falta de água

Notícias relacionadas

[Salvador ganha Prêmio Nacional do Turismo]
Cidade

Salvador ganha Prêmio Nacional do Turismo

Por Marcela Vilar no dia 05 de Dezembro de 2019 ⋅ 10:40 em Cidade

Secretário municipal de Cultura e Turismo recebeu o prêmio ontem (4) pelo projeto Visit Salvador da Bahia