Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Cidade

Audiência entre patrões e funcionários de shoppings termina sem acordo

Nova tentativa de conciliação para lojas abrirem domingos e feriados será dia 8

[Audiência entre patrões e funcionários de shoppings termina sem acordo]
Foto : Divulgação

Por Metro1 no dia 31 de Outubro de 2018 ⋅ 12:40

Uma nova audiência de conciliação entre patrões e funcionários de lojas de shoppings e comércio de rua foi realizada ontem (30), no Tribunal Regional Eleitoral (TRT5), mas terminou sem acordo.

Uma reunião foi marcada para o dia 6 e 7 de novembro para negociação dos pontos de desacordo da convenção coletiva na sede do Sindicato dos Comerciários. Na Justiça trabalhista, uma nova audiência foi marcada para o dia 8 de novembro às 11h. 

O Sindicato dos Empregados do Comércio da Cidade de Salvador quer proibir que os shoppings e lojas de rua abram aos domingos e feriados por conta da não assinatura da convenção coletiva, documento entre sindicatos de empregadores e de empregados para estabelecer regras nas relações de trabalho.

Por conta da falta de acordo entre os sindicatos, as lojas não abriram no feriado do dia 12 de outubro, e no domingo subsequente, dia 14 de outubro. No entanto, no dia 18 de outubro, um acordo temporário entre os sindicatos decidiu que a convenção coletiva de 2017, que definia que os shoppings podem abrir aos domingos, ficará em vigor até o dia 18 de novembro. Até lá, a decisão da Corte de proibir a abertura do comércio aos domingos e feriados está suspensa.

Notícias relacionadas