Cidade

Othon fecha em Salvador e grupo prevê 700 demissões

O movimento aponta para a perspectiva de pedido de recuperação judicial

[Othon fecha em Salvador e grupo prevê 700 demissões]
Foto : Divulgação

Por Alexandre Galvão no dia 19 de Novembro de 2018 ⋅ 06:32

Tradicional hotel de Salvador, o Othon fechou ontem (18) as portas na capital baiana. O movimento, segundo a Veja, aponta para a perspectiva de pedido de recuperação judicial. 

Além das unidades da Bahia e Minas Gerais, o grupo deve fechar as dependências no Rio de Janeiro. Estão previstas pelo menos 700 demissões nas próximas semanas. Recentemente, o grupo anunciou mudanças no corpo diretor. 

"Com a saída de Bruno Heleno no último dia 5 de outubro, que atuava como Gerente Geral Corporativo de Vendas e Marketing, desde 2016, assume Anna Christina de Andrade, que ocupava o cargo de Gerente de Vendas Regional e Internacional. Há mais de 10 anos na empresa, a executiva possui ampla experiência no setor, tendo atuado em outras redes hoteleiras. Atualmente, a executiva cursa “Hospitality Digital Marketing" da Cornell University.  A Rede Othon anuncia também Jorge Chaves como o novo Gerente Geral Corporativo de Operações, ocupando a posição após a saída de Paulo Michel, que ocupava o cargo de Diretor de Hotelaria".

Notícias relacionadas